(17) 3211-2900
uniradio@terra.com.br

Agosto Branco: afaste do tabagismo e previna-se de vários tipos de câncer

O tabagismo é considerado, pela Organização Mundial de Saúde, a principal causa de morte evitável. Isso porque ele é responsável pelo desenvolvimento de aproximadamente 50 doenças, incluindo vários tipos de cânceres.

O consumo do cigarro acaba levando à morte metade dos seus usuários. O risco é o mesmo para quem fuma charuto, cachimbo, rapé, narguilé e até mesmo o cigarro eletrônico.

Dados do Ministério da Saúde mostram que o número de fumantes caiu de 15,7%, em 2006, para 10,1% em 2017. Mas os riscos que o tabagismo representa para a saúde continuam os mesmo.

Agosto Branco: previne contra o câncer de pulmão

De acordo com o Inca – Instituto Nacional de Câncer, o tabagismo causa até 90% de todos os cânceres de pulmão.

Isso acontece porque as substâncias tóxicas do cigarro causam um processo inflamatório que leva ao enrijecimento dos pulmões, e a troca gasosa vai ficando deficitária.

O tabagismo também é responsável pelos cânceres de: bexiga; pâncreas; fígado; colo do útero; esôfago; rins; laringe; boca; faringe; estômago; e leucemia mielóide aguda.

Estima-se que, no Brasil, cerca de 157 mil pessoas morram precocemente, todos os anos, devido às doenças causadas pelo tabagismo.

E mais, fumantes adoecem com uma frequência duas vezes maior que os não fumantes, têm menor resistência física, menos fôlego e pior desempenho nos esportes e na vida sexual.

E o tabagismo não afeta apenas quem fuma, mas também os que estão no papel de fumantes passivos, ou seja, vivem no mesmo ambiente que o fumante.

É grande o risco de desenvolver câncer de pulmão e outros, além de infarto e doenças respiratórias.

Vale ressaltar que, não existe consumo seguro para o tabaco. Para preservar a saúde é necessário não fumar.

Fumantes são dependentes químicos que mesmo querendo, nem sempre conseguem deixar de fumar. Mas hoje a rede pública oferece tratamento aos queiram deixar o tabagismo. Informe-se sobre onde ele está disponível na sua cidade.

Sem cigarro melhora tudo

Parar de fumar sempre vale a pena e os benefícios podem ser notados em pequeno, médio e longo prazo:

- após 20 minutos - a pressão sanguínea e a pulsação voltam ao normal.

- após 2 horas - não há mais nicotina circulando no sangue.

- após 8 horas - o nível de oxigênio no sangue se normaliza.

- entre 12 e 24 horas depois - os pulmões já funcionam melhor.

- após dois dias - o olfato já percebe melhor os cheiros e o paladar já degusta melhor a comida.

- após três semanas - a respiração se torna mais fácil e a circulação melhora.

- após um ano - o risco de morte por infarto do miocárdio é reduzido à metade.

- após 10 anos - o risco de sofrer infarto será igual ao das pessoas que nunca fumaram.

Fonte: Portal da Saúde/Ministério da Saúde; Instituto Nacional de Câncer; Fundação do Câncer; Portal G1

Comments are closed.